Ontem assisti ao filme Não Olhe Para Cima, e tive uma surpresa positiva com o espetáculo. A tempos não assistia a um filme que conseguia ser divertido e ao mesmo tempo trazer tantos assuntos polêmicos e que merecem uma reflexão ao mesmo tempo.

Vou evitar grandes spoilers do filme, mas alguma coisa será comentada devido ser difícil uma separação completa dos assuntos tratados: A Ciência, A Política, A Mídia, O Poder.

Base do filme: Um cometa esta vindo para a destruir a terra.

Da Ciência temos o lado dos cientistas, que mesmo com as mais nobres intenções, pecam na ingenuidade. Querem ajudar as pessoas ou fazer alguma coisa em relação ao cometa que se aproxima do planeta, mas logo no primeiro passo, contar ao governo, são desacreditados por terem títulos de menor prestígio do que os de outras universidades mais bem queridas pelo governo. Sendo apenas considerados quando outros nomes grandes começam a afirmar o resultado correto deles.

Da Política, o governo está muito mais preocupado com a indicação de um ministro e a próxima eleição do Senado e não da a mínima para o cometa. A Presidente só volta atrás quando o assunto do cometa pode garimpar votos para ela, visto que perdia popularidade por conta de se envolver em escândalos com o novo ministro.

A Mídia, preocupada com o Ibope, foca em assuntos muito mais agradáveis aos ouvidos do público, como fofocas de celebridades e novas músicas, além é claro, de atacar a Presidente atual no poder.

Tudo já havia virado um jogo por Poder, mas a coisa piora quando a real ameaça do cometa é omitida para as pessoas. A aliança simbiótica de governos com milionários surge para usar a força para ficarem ainda mais ricos, usando a justificativa clássica de ajudar os pobres e criar empregos, diminuem o tamanho da ameaça do cometa para o público usando a Mídia, já que encontram metais valiosos na composição do cometa. E acabam valorizando as pás de mineração mais do que o #Bitcoin.

Outro lado interessante, é quando os cientistas, insatisfeitos com tudo, usam da internet para divulgar suas ideias e tentam levantar financiamento para eles mesmos resolverem o problema. Provando mais uma vez como a internet é uma ferramenta libertadora de amarras.

A aliança corporativista prevalece no topo, usando uma metodologia fraca, e contra a ciência, já que a todo custo evitam formulas como a Revisão por Pares e boicotam todos que os contra-dizem, além de comprarem a mídia, justificando a descrença da população no cometa.

Você consegue entender os dois lados, quem acredita no cometa e em quem não acredita. Uma analogia perfeita ao que vivemos hoje. A Ciência a favor de mim e a Ciência contra mim, qual é mais interessante para manter meu discurso em frente as câmeras? E já que eu escolho o que aparece nas câmeras, porque vou divulgar o outro lado?

Não quero estragar o filme caso você ainda não tenha visto, e nem dar uma palavra sobre o que é o certo, então aqui encerra meus questionamentos. Recomendo que assista Não Olhe Para Cima e preste atenção nos detalhes da trama para tirar suas próprias conclusões.